05 janeiro, 2016

Resenha: Impiedosas

ImpiedosasTÍTULO: Impiedosas
TÍTULO ORIGINAL: Heartless
RIE: Pretty Little Liars
VOLUME: 7
AUTOR(A): Sara Shepard
EDITORA: Rocco
PÁGINAS: 294
Minha Avaliação: 


No sétimo livro da série que conquistou os adolescentes com sua apimentada trama de suspense, segredos e intrigas, Hanna, Aria, Emily e Spencer continuam brincando com fogo. O mistério entorno da morte de Alison, a quinta integrante do grupo mais popular da sofisticada Rosewood, segue cada vez mais intrincado. Desacreditadas pela polícia e pela sociedade por conta de seus últimos depoimentos, um tanto contraditórios, as quatro amigas se veem vulneráveis quando o verdadeiro assassino vem atrás delas em Impiedosas.
No sétimo volume da série -A está cada vez mais manipulador e parece que ele(a) está finalmente querendo ajudar a desvendar o mistério da morte de Ali. Mas depois de tudo o que -A fez, será mesmo que ele virou o bonzinho da história?

No final do livro anterior levamos um susto (como sempre acontece nos livros de PLL): as meninas viram Ali tentando escapar do incêndio no bosque com nossas queridas mentirosas. Mas será que isso não foi efeito da fumaça que elas inalaram ou Ali está mesmo viva? Emily está fielmente acreditando na segunda opção.

O problema é que Emily não consegue guardar isso para si e agora toda Rosewood acredita que as meninas só querem chamar mais atenção para si. Depois de ser desacreditada por todo mundo (inclusive suas amigas), Emily decide seguir as pistas deixadas por -A e vai parar em uma comunidade Amish. Mas ela não volta de mãos abanando.

Na casa de Spencer as coisas não podem estar melhores. A garota decidiu contar tudo para os pais sobre pensar ser adotada e fugir para Nova York com sua mãe biológica, Olívia. Seus pais esclarecem tudo e passa a tratar a menina como ela sempre quis que eles fizessem. Mas essa calmaria não dura muito tempo e Spencer começa a descobrir que nenhuma família é perfeita, nem mesmo a sua.

Enquanto na casa dos Hastings está tudo maravilhoso, na casa de Hanna nada podia estar pior. Hanna está oficialmente indo de Prada para camisas de força: seu pai acredita que ela está sofrendo de stress pós traumático e decide colocá-la em uma clínica de reabilitação.

Chegando lá, Hanna fica sabendo que irá dividir o quarto com uma garota chamada Iris. Ao se conhecerem as duas se dão bem logo de cara, afinal são muito parecidas: duas "abelhas rainhas". Mas vale lembrar que as escolhas de amigas de Hanna nunca foram lá muito confiáveis.

Aria, assim como Emily, acredita que era Ali na floresta na noite do incêndio. O que ela não consegue entender é como a menina, supostamente morta, se materializou no bosque.

Ela passa acreditar que a Ali que elas viram no bosque era, na verdade, o espírito da amiga, que está querendo mandar uma mensagem do mundo dos mortos para as 4 meninas. Com essa tese em mente ela começa a trabalhar seu lado espiritual com seções espíritas e médiuns, mas nem tudo é o que parece e nem todas as descobertas são agradáveis.

A vida das nossas queridas Liars está um caos e parece que nada pode piorar. Até que piora.

Com um final surpreendente Impiedosas nos deixa cada vez mais curiosas para o que Sara nos reserva nos próximos volumes da série.










2 comentários:

  1. Eu sempre tive vontade de ler Pretty Little Liars, e agora então! Eu vi só 3 episódio da série e nunca mais assisti, acho que está na hora de eu retornar hehe
    http://aceitalivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Daiane,
      Super recomendo essa série (de livros e tv)! É, com certeza, uma das minhas favoritas!!!
      Beijos

      Excluir

Comente com sabedoria. Sem xingamentos, respeitando a opinião do outro, caso ache no texto um erro de gramática é só avisar.
"A bondade é o princípio do tato, e o respeito pelos outros é a primeira condição para saber viver."- Henri Frédéric Amiel
Beijos

© RM Desing - 2016 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Renata Massa | Tema Base: Butlariz.
imagem-logo