30 junho, 2015

[Filme] Interestelar


Gente, estou de volta. Depois de mais um mês sumida, peço desculpas para vocês. Entre tantas aulas, houve pouquíssimo tempo para assistir bons filmes. Mas agora, já sentindo o gostinho das férias, vou adiantar ao máximo as próximas indicações. Agora que retornei, vejam mais um filme que vocês realmente deveriam assistir.


Se apenas uma pessoa tivesse me indicado ele, dificilmente eu teria o assistido. E mesmo sendo mais de uma pessoa que me ordenou assistir, eu estava com uma preguiça enooorme. Só que um dia eu estava em casa, fazendo aquelas maratonas de filmes que você tem e nunca assistiu e coloquei play nesse dai. Gente, a pausa nunca foi tão difícil de ser dada.

                               

A Terra está quase destruída, nos seus segundos finais, afirmaria. Problemas de praga, falta de comida, em um momento em que o avanço incessante da tecnologia não é mais a prioridade. Trata-se apenas de sobreviver. Interestelar faz críticas árduas a esse futuro baseado no nosso presente. Entretanto, antes que achem que o filme é apenas mais um filme pós-apocalíptico, ele envolve outros elementos. Dentro desse cenário ríspido, há um homem que acredita na inovação humana, e, sem dar spoilers para vocês, ele recebe a missão de ir ao espaço procurar outro planeta habitável.

O problema é que ele tem de deixar tudo para trás, na esperança de um dia, encontrar o planeta, onde a espécie humana possa se perpetuar. O mais bacana do filme, é perceber que toda a teoria básica da física não foi simplesmente jogada no filme, e sim, passada de uma forma fascinante para quem o assiste. Notem que a teoria básica do filme foi a da relatividade, e ela se torna encantadora a medida que vamos assistindo. É valido lembrar que o filme tem quase três horas de duração, e quando o filme não empolga, amigo, é capaz de que eu nem chegue perto do final, mas podem assistir tranquilo, porque vocês não vão pedir, nem por um segundo, para que ele acabe.

Ao lado de toda essa ficção cientifica, porque não só de física sobrevive um filme, ele tem um drama na medida certa e ainda tem um texto descontraído, como no personagem/robô TARS. Tudo tornando o filme menos cansativo e mais empolgante. A aventura pelo qual os personagens vão passar é interessantíssima, e não só a tripulação da nave, mas os personagens que ficaram na Terra também, importantíssimo para o desfecho do filme. E esse é outro ponto inteligente, o início do filme é tão importante para esse como o final, sério, vão logo assistir Interestelar.


Até a próxima,


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente com sabedoria. Sem xingamentos, respeitando a opinião do outro, caso ache no texto um erro de gramática é só avisar.
"A bondade é o princípio do tato, e o respeito pelos outros é a primeira condição para saber viver."- Henri Frédéric Amiel
Beijos

© RM Desing - 2016 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Renata Massa | Tema Base: Butlariz.
imagem-logo