06 agosto, 2014

Resenha: Perversas

TÍTULO: Perversas
TÍTULO ORIGINAL: Wicked
SÉRIE: Pretty Little Liars
VOLUME: 5
AUTOR: Sara Shepard
EDITORA: Rocco
PÁGINAS: 324
Minha Avaliação: 


Hanna está tentando retomar sua vida após descobrir que sua melhor amiga tentou matá-la, mas, para complicar a situação, precisa aprender a conviver com sua futura meia-irmã, Kate e lutar para manter a popularidade em alta. A indiferença da família Hastings está sendo uma tortura para a adorável Spencer, e com a morte da avó novos e terríveis segredos virão à tona. Parece que Aria não consegue mesmo ficar longe dos homens mais velhos, visitando uma exposição de arte, o que lhe chama a atenção é um interessante desconhecido... que voltará a cruzar seu caminho. E Emily, a garota que gosta de garotas, talvez não goste só de garotas...Fique esperta. Uma vez em Rosewood, você não poderá sair até descobrir o que o destino preparou para estas belas mentirosas!

Eu sei gente, fiquei bastante tempo sem postar. Eu tenho 3 justificativas para isso: 1- Trabalhos e provas escolares; 2- Cansaço; 3- Preguiça ahsuahsuauh. Mas não se preocupem porque vou voltar com as postagens, tags e tudo o mais! Mas chega de papo furado, vamos começar a resenha.

Quando eu pensei que Sara Shepard não tinha mais o que inventar sobre estas meninas, ela me surpreende novamente. Perversas é o quinto livro da saga Pretty Little Liars e é tão surpreendente, misterioso e dramático quanto os anteriores.

Hanna tem agora está morando com seu pai, madrasta e mia-irmã, o que está deixando-a louca, pois além de ter de aguentar a "perversa Kate" tem de dar um jeito de superar a perda de sua ex melhor amiga, Mona. Apesar de Mona ter tentado matar Hanna e de ela tenha sido A, Hanna ainda assim sente falta dela, afinal elas eram melhores amigas (pelo menos é o que Hanna pensa que eram).

Aria está morando com a mãe e irmão. A Sra. Montgomery finalmente está tentando restabelecer uma relação com a filha depois de tudo o que aconteceu em relação ao pai da menina. Aria está tentando superar o rompimento com Ezra (que não ligou para a garota nem sequer uma vez mais).

Spencer continua na mesma do livro anterior, mas fatos farão com que a coisa mude um pouco. Os pais da menina estão super bravos com ela por causa do trabalho que a jovem roubara de sua irmã e fora para no Orquídea Dourada. Ela e a irmã, Melissa, estão se entendendo um pouco melhor já que os pais delas estão bravos com as duas.

A família de Emily está se adaptando ao que ela é e começando a aceitar o fato de ela ser lésbica (do jeito deles, mas estão). Emily ainda sente um pouco de falta de Maya, mas esse ponto não é tão destacado no livro, até que Emily conhece um rapaz que deixa a cabeça dela muito confusa.

Alguns dos pontos positivos da trama são: ela é envolvente, possui um suspense muito bem elaborado, a história trata sobre um caso que é muito raro acontecer na vida real mas sem o fato ser exagerado a ponto de o livro ficar enjoativo...

O livro é mais voltado para o lado de Hanna, Aria e Spencer deixando Emily um pouco de fora e não gostei muito disso. Emily tem muita história para desenvolver quanto as outras e queria que ela fosse um pouco mais destacada no livro. Mas mesmo assim dei a ele cinco estrelas pois a trama toda em conjunto compensa este pequeno fato.

Beijão








Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente com sabedoria. Sem xingamentos, respeitando a opinião do outro, caso ache no texto um erro de gramática é só avisar.
"A bondade é o princípio do tato, e o respeito pelos outros é a primeira condição para saber viver."- Henri Frédéric Amiel
Beijos

© RM Desing - 2016 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Renata Massa | Tema Base: Butlariz.
imagem-logo